Riqueza do pré-sal deve beneficiar os estados mais pobres, diz governador

por 12:50 0 comentários

Esta semana, o programa de rádio Conversa com o Governador, produzido pela Assessoria Geral de Comunicação do Governo do Estado (Agecom), traz uma análise sobre os royalties do pré-sal. O governador defende a tese de que devem ser distribuídos de acordo com a população e a riqueza ou a pobreza de cada estado, medidas pelo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Wagner acredita que São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo estão errados porque querem ficar com a maior parte dessa riqueza. “Eu não vejo porque, já que o petróleo foi descoberto por uma empresa que pertence a todos os brasileiros”, argumenta.

Segundo ele, o petróleo está afastado da costa e, portanto, não implica em nenhum prejuízo ambiental. “Minha posição é essa desde o começo: uma distribuição que seja justa para todo o povo brasileiro e não apenas para três estados. Agora tem essa discussão sendo feita no Senado e eu espero que o bom senso prevaleça de tal forma que a gente possa ter essa riqueza fazendo bem para todos os brasileiros”.

Leia mais no Site do PT Bahia

Ricardo Matense

Vereador de Verdade

Ricardo Matense é Vereador no município de Mata de São João, Bahia. Na Câmara Municipal é presidente da Comissão dos Direitos da Criança, do Adolescente e do Jovem e é o relator da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por comentar meu blog.
Cadastre seu e-mail e receba atualizações gratuitamente.

Um abraço,

Ricardo Matense